Definir o preço de venda da sua casa é uma tarefa difícil. Geralmente avaliadores e corretores de imóveis colocam uma faixa de preço para o imóvel e deixam que a última análise e a decisão final seja por parte do vendedor.

Embora os vendedores não são obrigados a colocar o preço no seu imóvel de acordo com os níveis de estoque e condições de mercado, é inteligente perceber que essas questões vão influenciar diretamente na hora de vender o seu imóvel. Para te ajudar preparamos algumas dicas para você ter em mente na hora de definir o seu preço.

Tática do preço mais alto

Se você não está altamente motivado para vender a sua casa, o tempo está do seu lado. Assim, você pode colocar o valor do seu imóvel no limite superior e esperar pela resposta do mercado ao seu imóvel. Se você perceber que não há interesse a tendência é que com o tempo você tenha que reduzir o preço e ainda utilizar a redução como uma ferramenta de marketing para atrair mais pessoas visitando o seu imóvel. Mas lembre-se que a estratégia de preço mais alto só é válida para quem tem tempo de sobra para avaliar o mercado e não tem uma motivação grande para vender.

preço-tempo

Preço baixo não garante um bom negócio

Quando os vendedores de imóveis começam a ouvir sobre outros vendedores que receberam várias ofertas ou venderam suas casas rapidamente, eles assumem que isso acontecerá com eles também. Mas você se engana quando pensa que só porque o vizinho recebeu várias propostas em uma semana você também vai.

As casas que recebem várias propostas muitas vezes são muito bem localizadas e estão em um preço propositadamente mais baixo. A pressa para vender pode fazer com que você receba mais ofertas e também que venda o seu imóvel por um valor inferior que conseguiria com uma maior paciência.

Não coloque o menor preço que você venderia no seu imóvel, colocando o menor preço você reduz totalmente a sua margem de negociação e faz com que negociações com pessoas realmente interessadas se tornem frustradas.

preco

Atenção com os corretores e a jogada ensaiada

Corretores de imóveis bem intencionados não vão querer que seu imóvel seja anunciado fora do valor do mercado. Um imóvel bem avaliado e com o preço correto poderá te economizar semanas ou meses de anúncios que não gerar nenhum tipo de resultado.

Porém essa relação as vezes se torna uma batalha que você precisa evitar. Se um avaliador de imóveis que muitas vezes é um corretor ele pode estar querendo colocar o seu próprio interesse em jogo. Uma avaliação inferior ao seu imóvel poderá garantir uma rápida venda e uma comissão rápida no bolso do corretor.

Leia também: Uma avaliação bem feita ajuda a garantir uma boa venda

A determinação do valor real de mercado

O verdadeiro valor de mercado de uma casa é o que um comprador e um vendedor são capazes de concordar para uma transação boa para ambos os lados.

Se sua casa está em um preço correto de mercado você receberá interesse e visitantes ao seu imóvel. Se meses estão se passando e ninguém demonstra interesse no seu imóvel você provavelmente terá que assumir que seu imóvel está com um preço muito elevado.

Se você está com uma proposta em sua casa, torne ela oficial, muitas vezes alguns compradores mesmo depois de terem apalavrado uma oferta após fazerem algumas inspeções vão querer colocar um valor mais baixo no seu imóvel já pensando em algumas modificações do seu interesse.

Se você pretende vender sua casa, o melhor a se fazer é contratar uma avaliação com um especialista de mercado. Assim ele poderá te entregar um relatório e você poderá apresentá-lo para os interessados no seu imóvel e assim discutir baseando em argumentos presentes no papel.

Como preparar o seu imóvel para a venda

Deixe uma resposta

Tags

Sobre o autor

Rafael Milagre

Twitter Facebook Email Website

CEO & Founder da Benvenuto, acumula experiência no mercado imobiliário a mais de 4 anos. Adora futebol, tecnologia e startups :) Anuncie seu imóvel grátis na Benvenuto: http://www.benvenuto.com.br